Quer deixar de fumar?

  deixar tabaco1. Escolha o dia certo (dia D)

Escolha a altura certa para reduzir os cigarros. Um dia mais calmo, onde consiga gerir melhor a sua ansiedade (férias ou fim-de-semana), revela-se uma boa opção. Faça dele o primeiro dia, sem tabaco, do resto da sua vida.

2. Questione-se “Porque fumo?”

Antes de deixar de fumar identifique os fatores que o motivam a fumar. Se já tentou deixar de fumar, pense naquilo que provocou a recaída.

3. Altere o seu estilo de vida

– Respire fundo, tire alguns momentos de pausa. Tente novos métodos de relaxamento que permitam lidar melhor com o stress e tensão nervosa;

– Evite o consumo de álcool e café;

– Faça exercício físico (passeio, corrida, natação, …). A atividade física moderada é uma forma excelente de lidar com o stress e de o deixar em forma!

– Lembre-se que deve parar, por completo, de fumar. Recuse sempre um cigarro ou mesmo uma única “passa”, de forma a não cair em tentação.

4. Remova tentações

No dia anterior ao dia D, deite fora o tabaco, fósforos, cinzeiros e isqueiros. Deixar os cigarros ao seu alcance apenas vai incitar a tentação de os fumar. Diga à sua família e amigos que decidiu deixar de fumar e peça-lhes que não fumem perto de si. O apoio familiar ou de amigos é fundamental!

5. Altere as suas rotinas

As primeiras semanas são, frequentemente, as mais difíceis. Devem evitar-se momentos delicados ou então geri-los de maneira a controlar o desejo de fumar. Evite situações onde possa estar tentado a acender o cigarro, como festas, saídas com os amigos, ida a cafés ou bares, a condução ou os intervalos de trabalho. Mude a sua rotina!

6. Mantenha as mãos ocupadas

Quando deixar de fumar, talvez venha a sentir a falta do ato de acender, manusear e segurar o cigarro. Por esta razão, é, por vezes, necessário substituir este comportamento por outro que lhe mantenha as mãos ocupadas, tal como manusear uma bola, caneta, fazer atividades domésticas.

7. Enumere razões para não fumar

Escreva uma lista de razões para abdicar do tabaco e mantenha-a sempre visível, como por exemplo:

– Melhorar a Saúde (a sua e a dos outros) – Pela sua Família

– Poupar Dinheiro – Viver mais anos com qualidade

8. Gratifique-se regularmente

Use o dinheiro poupado adquirindo artigos que o lembrem das etapas sucessivas que ultrapassou. Estes “mimos” vão dar-lhe o alento necessário para erradicar, definitivamente, o vício de fumar.

9. Conheça as vantagens para a sua saúde

– Após 20 minutos – a tensão arterial e a pulsação voltam ao normal;

– Após 8 horas – os níveis de oxigénio voltam ao normal;

– Após 48 horas – o paladar e o olfato melhoram significativamente;

– Após 3 a 9 meses – os pulmões encontram-se mais fortes e trabalham 5 a 10% melhor;

– Após 5 anos – o risco de ataque cardíaco é metade do de um fumador ativo;

– Após 10 anos – o risco de contrair cancro do pulmão reduz-se para metade do de um fumador ativo;

– Evita os riscos de saúde para os fumadores passivos, especialmente na sua família mais próxima;

– Se estiver grávida, tem menores riscos de abortar ou de malformação do feto.

10. Mantenha uma atitude positiva

Não diga a si próprio que vai terminar de forma radical e definitiva. Pense todos os dias: “Hoje não vou pegar no cigarro!”. Este mote vai ajudá-lo a vencer as etapas dia a dia até alcançar o seu objetivo.

(imagem obtida aqui).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s