A PROFISSÃO DE ASSISTENTE SOCIAL

O que é?
O exercício da profissão de assistente social ou trabalhador social promove a mudança social, a resolução de problemas no contexto das relações humanas e a capacidade e empenhamento das pessoas na melhoria do “bem-estar”.
Aplicando teorias de comportamento humano e dos sistemas sociais, o trabalho social focaliza a sua intervenção no relacionamento das pessoas com o meio que as rodeia. Os  princípios de direitos humanos e justiça social são elementos
fundamentais para o trabalho social.
Definição de Serviço Social da FITS (federação internacional de trabalhadores sociais) Aprovada na Assembleia da FITS, em Montréal, Canada, em julho de 2000.

*
Missão
Ajudar as pessoas a desenvolverem todas as suas potencialidades, a
enriquecerem as suas vidas e a prevenir as disfunções.
Valores
O trabalho social desenvolve-se a partir dos ideais de humanismo e democracia e os seus valores radicam no respeito pela Igualdade, valor e dignidade de todos.

*
Teoria
O exercício desta profissão apoia-se em teorias de desenvolvimento de comportamento humano e ainda de sistemas sociais para analisar situações complexas e proporcionar transformações a nível individual, organizacional, social e cultural.

*
Prática
Este tipo de trabalho utiliza uma variedade de práticas, técnicas e ações em consonância com a abordagem holística (integral) do ser humano e do ambiente que o rodeia. A variedade de intervenções do trabalho social passa desde processos de natureza psicossocial focalizados a nível individual até intervenções relacionadas com a política social planeamento social e desenvolvimento social. As intervenções integram aconselhamento, acompanhamento de casos, trabalho de grupo, trabalho social de cariz pedagógico, tratamento e terapia familiares, bem como ajudar as pessoas a obter os bens e serviços disponíveis na comunidade.
Qual a importância do Assistente Social nos Cuidados de Saúde?
“(…) O Assistente Social de saúde é o profissional que assume, no sistema de saúde, a investigação dos fatores psicossociais que incidem no processo saúde doença, bem como no tratamento dos problemas psicossociais relacionados
com as situações de doença, que estejam na sua origem (aspetos prévios à doença) ou sejam uma consequência (aspetos resultantes da doença).
(Mondragón e Trigueiros, 1999:74)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s